fbpx
Colégio Notre Dame participará do Torneio Intercolegial GREENK 2018.
8 de maio de 2018
Jogos Interclasse no Colégio Notre Dame.
21 de junho de 2018

Colégio Notre Dame Realiza a Segunda Entrega de Donativos na região do Paissandu

A comunidade educativa do Colégio Notre Dame se mobilizou em solidariedade às vítimas do incêndio e desabamento do Edifício Wilton Paes de Almeida, no Paissandu, região central de São Paulo, ocorrido no feriado de 1º de maio/2018, que já dura 45 dias e deixou centenas de desabrigados.
Na primeira campanha realizada entre os dias 7 e 19 de maio, a arrecadação foi de água mineral, calçados roupas (incluindo agasalhos e cobertores), que foram entregues no dia 8 de junho por professores, pais e alunos do Colégio Notre Dame.

Impactada com a situação de abandono das pessoas que ainda permanecem alojadas precariamente na região do Largo do Paissandú, a sra. Daniela M. Noronha Romancini Faria, mãe de uma aluna do 1º Ensino Médio mobilizou uma segunda campanha para arrecadar misturas, leite, fraldas entre outros alimentos. Com a ajuda de seus familiares e amigos, arrecadou cerca de R$ 2.200,00, que foram utilizados na compra de alimentos entregues no alojamento na tarde de 18 de junho.

Embora haja uma organização entre os moradores, que conseguiram nos últimos dias montar uma cozinha coletiva, cadastrar as famílias e distribuir os alimentos de maneira igualitária, a situação das pessoas naquele local é lamentável. Conforme relato das lideranças do local, são cerca de 190 famílias e 123 crianças morando precariamente e ainda sem previsão de solução por parte do poder público.

Com o inverno, a situação é ainda mais desoladora. Segundo dados publicados em jornal, no dia 21 de maio, os desabrigados que seguem vivendo em barracas diante dos escombros com seus filhos foram diretamente afetados pelas baixas temperaturas da madrugada, que chegaram a 9,3ºC de acordo com o INMET- Instituto Nacional de Meteorologia, esta foi a menor temperatura desde 2007.

Nossos agradecimentos à comunidade Educativa do Colégio Notre Dame, por acalentar a vulnerabilidade e multiplicar gestos de solidariedade.